domingo, 31 de outubro de 2010

coisas que nos fazem gostar de coelhos, (?)

são razões muito válidas que devem ser levadas muito a sério, não sei quantas são porque estou mesmo agora a escrever este post, portanto é o que me vier à cabeça, e se quiserem podem contar, que a matemática nunca matou ninguém.

- têm pêlo, o que pode condicionar a aquecimento de mãos grátis*
- têm orelhas maiores que as tuas de certeza, se alguém se aproximar de ti, sem saberes, ele/a pode-te sempre dar um toque.
- são saudáveis e vegetarianos, não corres o risco de ter um animal com diabetes ou com o colesterol elevado, o que nos dias que corre é bastante positivo.
- não gastas dinheiro em medicamentos pela razão do ponto anterior e por outras que não vos digo, pensem.
- não sujam nada, só sujam se vocês deixarem, portanto um conselho: não deixem.
- têm um rabinho mesmo fofinho mais parece um limpa-pó, se o soltarem pode ser que limpe alguma coisinha.
- a comidinha deles, está barata, e podem mesmo optar pelas cenouras.
- são uns santinhos, não incomodam nem as moscas.
- não necessitam de cartão de cidadão nem dos impostos.
- são fofinhos.
- são lindos.
- têm dentes lindos.
- têm um pelinho lindo.
- já estou a divagar.
- também ja não chega?
- ai, meu deus, lembrei-me que tenho que estudar português!
- ah, sorte dos coelhos, não têm que estudar quando não lhes apetece.
Há coisas que por mais pequenas que sejam, podem mudar tudo.

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

i'm so in love with this.

sad moment.

"Sinto o coração a mil. Como se fosse explodir instantaneamente. E sinto que vai mesmo. Ele perdeu a consciência do batimento habitual, ele perdeu-se no meio de tantas respirações forçadas como se me arrebentassem a alma. Tenho uma dor tão forte e tão insuportável que até posso afirmar que se baixar os braços, faleço. Ai, não quero pronunciar tal palavra porque nem consigo. Por isso escrevo. Escrevo compulsivamente porque não tenho controlo em mim. Pareço uma máquina ligada no máximo. Escrevo, porque não tenho mais nada para fazer para além de respirar, respirar bem fundo. Apercebo-me que o ser humano é um robot de sua alma. Transporta consigo um motor que o faz mover, abrandar, acelerar. Neste momento, como devem supor o meu suposto motor está acelerado, quase a atingir a velocidade máxima. Dói-me a caixa torácica. Se é que ainda a tenho, sinceramente acho que a gastei com tantas expirações e inspirações forçadas.
Disse à minha mãe que estava bem. Não podia dizer-lhe que continuo a estar mal. Era demais para ela. Desde as cinco da manhã que lhe tirei o sono. E eu, já nem isso tenho. A dor roubou-mo. Só peço a alguém, superior ou inferior (não sou esquisita) que me faça esquecer o primeiro e o segundo dia disto, e ah, que não venho o terceiro porque senão morro mesmo."

terça-feira, 26 de outubro de 2010

domingo, 24 de outubro de 2010

H

HISTÓRIA, porque todos nós temos uma história para contar, um segredo a partilhar, um mundo a mudar, (...)
desculpa fábio se te desiludi, mas hoje o meu melhor amigo é o pacote de lenços.

sábado, 23 de outubro de 2010

a falta dos articuladores.

hoje pensei. a minha avó é linda. como eu gosto de café. dormi subtilmente. a minha mãe falou mal de mim. eu não quero saber do Sócrates para nada. gosto é de coelhos. dores de garganta, fazem-me mal ao cérebro. se eu fosse uma galinha chocava ovos, mas como sou um ser humano choco uma gripe. biologia é bonito. não ter explicação de matemática de manhã é maravilhoso. a minha mãe comprou umas botas lindas! graças a deus que tenho um pé de princesa. comi muitos chocolates. quero ver o final de meu amor. a minha avó dá-me beijinhos fofinhos. o meu avo resmunga. o meu pai come. o meu tio tenta saber se anda roupa na corda, expressão assumida por ele.

OK, LÓGICA? ESQUECI-ME DELA. SOU MALUCA. E NÃO TENHO MEDO DE NINGUÉM. mas, graças a deus, que existe a gramática para me salvar destas momentâneas estupidezes. que por acaso gosto muito..

conselho do dia*

se entrares em desespero, não desesperes. lógico não?

G

GOMAS, do you marry me?

sexta-feira, 22 de outubro de 2010

F

Felicidade. porque duma maneira ou de outra todos nós atingi-mo-la.

quinta-feira, 21 de outubro de 2010

terça-feira, 19 de outubro de 2010

segunda-feira, 18 de outubro de 2010

i want be a cat, please.

apetece-me GRITAAAAAR! olha que grande mentira. apetece-me é dormir. quem me dera ter a tua vida, gato. tu comes, tu dormes, tu brincas, tu riste, tu choras, tu vês televisão e tens a sorte de não perder nenhum episódio do america next top model. tu DORMES. invejo-te. e olha que a inveja é feia e é um pecado mortal, portanto olha os riscos que eu corro só para ter um bocadinho dessa tua feliz vida, seu gato.
para não falar nessa tua linda cor de pêlo. mas não te aproximes que eu tenho alergia a ti, bola de pêlo.

B

BOLACHAS (minham!)

domingo, 17 de outubro de 2010

A


Amizade

desafio*

Este desafio encontrei no blog : http://soraiamayer-life.blogspot.com
E as regras são:
1. Por cada dia que passar, postar uma letra do abecedário.
2. Para cada letra, identificar o dia.
3. Para cada letra, arranjar uma expressão, palavra... que descreva ou diga algo sobre nós próprios.
4. Em cada post, mediante a letra referida, colocar uma imagem.
não há gelados em casa. acho que vou entrar numa profunda depressão e na decadência pessoal. mãe, dirige-te ao supermercado mais próximo,por favor!

sexta-feira, 15 de outubro de 2010

"só as criaturas que não escrevem cartas de amor é que são ridículas."

40 coisas sobre mim*

caros seguidores e pessoas fofinhas que visitam o meu blog que é parecido com voçês. é fofo.decidi fazer este desafio que vi no blog da soraia mayer,a propósito, visitem, http://soraiamayer-life.blogspot.com .

40 coisas sobre mim que a maioria não sabe.

1- quando alguém me chateia ou não, costumo fazer RUF.
2- quando estou mais triste, durmo com um coelhinho de peluche.
3- adoro voleibol.
4- tenho fobia a centopeias.
5- tenho uma mini queimadura no braço, literalmente.
6- adoro beber leite simples.
7- tenho asma alérgica.
8- tenho vários tipos de risos, e um deles é a guinchar.
9- adoro ver filmes e chorar muito no final.
10- dou imensas gaf's e as vezes troco-me toda a falar.
11- um dos meus grandes sonhos é ir a um concerto da taylor swift independentemente de tudo.
12- quando for reformada quero dar a volta ao mundo em 80 dias, como o mickey.
13- não posso morrer antes de ir à disneyland, portanto alguém que me leve por favor.
14- acredito no destino.
15- tenho um fascinio por ingleses porque eles têm aquela lingua inglesa e falam coise e tal, ruf, e é mesmo lindo.
16- sou extremamente gulosa e como muito.
17- odeio erros ortográficos, e a patrícia troca os b's pelos v's e eu fico chocada, e nunca me hei-de esquecer quando escrevi quando com "c" - cuando.
18- adoro estar na cama a ouvir a chuva a cair, é mesmo lindo!
19- já tive um amor platónico.
20- odeio quando estão a tentar falar comigo e são assim" olha, olha.." dando-me palmadas no braço até perfurarem as minhas veias e pisarem-me o braço, odeio.
21- odeio que mastiguem chicletes à minha beira, o barulho incomoda-me o cérebro e eu fico mesmo impossível de aturar.
22- adoro andar descalça.
23- isto é tão banal de se ouvir mas é a verdade "odeio falsidade!"
24- estou quase sempre feliz, mas também quando não estou não queiram estar comigo.
25- já parti um braço porque caí da banheira abaixo. porque a minha irmã me ama muito.
26- sou um bocado hipocondríaca.
27- só durmo bem se tiver duas almofadas.
28- odeio desarrumação apesar de a minha mãe dizer que sou desarrumada, também para a minha mãe uma almofada mais deslocada para a esquerda é desarrumação. amo-te mãe!
29- gosto de ajudar as pessoas.
30- não saio de casa sem pôr perfume.
31- tenho um fascínio por caracóis e por isso às vezes odeio o meu pai porque deu caracóis à minha irmã e a mim não.
32- já quis pintar o cabelo de preto.
33- acredito bastante em astrologia.
34- na ultima aula de educação fisica consegui fazer o pino com uma mão. eu tinha que dizer isto, pqe me senti mesmo feliz!
35- tenho aproximadamente 2000 fotos minhas/ou não no portátil. não imaginaremos no computador.
36- gosto mais do inverno do que o verão.
37- senão me chamasse joana gostava de me chamar matilde,carolina ou sofia.
38- adoro filmes de suspense, mas também gosto de comédias com histórias de amor, *-*
39- tive para reprovar no 1ºano.
40- gosto de orelhaaaaaas 8).

domingo, 10 de outubro de 2010

ironia da vida.

Ele, inteligente, forte e despreocupado. Ela, sensível, perspicaz, sempre com uma certa inquietação. Conhecem-se. Ele torna-se sensível e capaz de formar e sintetizar frases repletas de ternura. Ela, intensifica a sua personalidade transparecendo. Trocam sorrisos, mensagens, abraços. apaixonam-se. tornam-se lamechas aos olhos de quem os vê. trocam sorrisos, mensagens, abraços e beijos. fazem parecer que vivem num mundo à parte. assumem um compromisso. trocam sorrisos, mensagens, abraços, beijos e alcunhas amorosas. ele é tudo para ela. ela é tudo para ele. ele fala dela como se fosse o seu maior tesouro. ela pensa num futuro a dois. trocam sorrisos, mensagens, abraços, beijos, alcunhas fofinhas e juras de amor. comemoram juntos meio ano de amor. ele apresenta-a aos pais. ela sorri levemente mas explode de emoções. o tempo passa. trocam sorrisos, algumas mensagens, um abraço E poucos beijos. ele, olha para os amigos como as pessoas mais felizes do mundo! vão a festas, conhecem miúdas giras, trocam os beijos, divertem-se, bebem e alguns experimentam novas sensações. ela, pede para o tempo voltar atrás, o tempo em que trocavam sorrisos, mensagens, abraços, alcunhas amorosas E juras de amor. ele transforma a capacidade de formar frases fofinhas em distância e frieza. ela chora às escondidas, tenta mandar indirectas, mas ele não quer ouvir. trocam olhares distantes, as mensagens evaporam, os abraços escasseiam, os beijos são de despedida, as alcunhas subtraem-se e as juras de amor.. há muito que não davam sinais de vida. para ele. ele tenta ser benevolente mas deixa-a. ela chora, trepa paredes, culpa-se e volta a chorar. ele sente-se livre, jovial, despreocupado e com vontade de sair, de se divertir, de fazer parte das pessoas mais felizes do mundo.
o tempo passa. ele deixa de se sentir a pessoa mais feliz do mundo, recorda todos os bons momentos que viveu com ela e também todos os maus momentos que com ela passou e ultrapassou. ele vai ter com ela. ela deixa-o falar. ele diz-lhe que foi um estúpido, um grande idiota e que ela foi a melhor que coisa da sua vida. ela respira, interrompe-lhe o pensamento. o problema dele, é que já fez muito tempo que ela deixou de chorar, de trepar paredes e de chorar novamente. ela torna-se forte, destemida e por momentos sensivel. ele, torna-se sensivel, triste E por momentos, forte.

domingo, 3 de outubro de 2010

egocentrismo no seu auge.

ora, são quase dez menos vinte. um pormenor completamente irrelevante. tão irrelevante que chega a ser estúpido. parei,reflecti e concluí que gosto muito de mim. gosto de ser eu. gosto de mim, amo-me. gosto de ter esta mania irritante de falar com pessoas que não conheço, gosto de falar até que as pessoas se cansem de me ouvir, gosto de ser perspicaz e ao mesmo tempo deixar-me levar. gosto quando estou calada e séria e lembro-me de uma anedota ou de um episódio inédito da minha vida e rio-me como se não houvesse amanhã. depois quero eu, ser levada a sério pelas pessoas.gosto de ser sincera e gosto do meu lado sensível e humano. nunca me vou esquecer destes versos de sophia melo breyner "as pessoas sensíveis não são capazes de matar galinhas, mas são capazes de comer galinhas" ora, é aqui que me questiono se faço parte das pessoas sensíveis. (?) é a minha sensibilidade inteligente que faz coisas destas. ou será a minha inteligência sensível? bolas, detesto trocadilhos. gosto de amar e de abraçar toda a gente, gosto de distribuir,multiplicar elevando ao cubo sorrisos. gosto de ser feliz.sim, gosto de mim.